sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Voltamos a estaca zero

Estou por aqui pra passar últimas notícias que recebemos do Consulado do Canadá em São Paulo. Para mim e para o Igor, possivelmente para futuros candidatos a imigração, não foram nada boas. Em postagens anteriores (Pagamentos das taxas de Imigração e Documentos enviados para o Canadá), contamos um pouco das nossas primeiras dificuldades com o processo. Recapitulando um pouco: tivemos problemas para efetuar o pagamento das primeiras taxas do processo de imigração, na categoria Skilled Worker. No manual geral do Skilled Worker PDF, diz que as únicas opções de pagamento são via certified cheque, bank draft e money order. O Igor, naquela ocasião, pesquisou sobre estes métodos de pagamento e eles não existem no Brasil.
Esta informação foi confirmada hoje (30/01) com a Maura, atendente da imigração. De fato não há como fazer pagamentos dentro das altenativas dadas pelo Consulado do Canadá.
Depois de inúmeros contatos com o Consulado do Canadá no Brasil, não obter nenhuma resposta clara e sequer objetiva referente ao pagamento, resolvemos correr o risco e fazer como orientado no site do CIC que diz: realizar o pagamento específico para cada país. Mandamos os formulários para Nova Scotia com o comprovante de pagamento realizado no Brasil, pra ver o que iria dar.
Ontem, enquanto conversava com um integrante de um grupo de discussão, ele levantou comigo dúvidas sobre as mudanças e sugeriu que ligássemos novamente para o Consulado.
Lá fomos nós novamente ligar. Aí que constatamos o que já esperavámos: a Maura (atendente), do consulado, disse que com certeza nossa documentação será devolvida, pq de fato o pagamento não deveria ser realizado no Brasil, mas que iria verificar e nos daria um retorno hoje. Porém, pasmem, eles ainda não sabem como fazer o pagamento das taxas para categoria Skilled Worker. Todas as alternativas dadas pelo Consulado no Canadá, como disse anteriormente, não são possíveis de serem realizadas no Brasil.
Como prometido pela Maura hoje tivemos a confirmação da devolução dos formulários que encaminhamos para Nova Scotia. Nos tranquilizou, pois disse que o pagamento que foi depositado na conta do Consulado no Brasil será devolvido. Disse ainda que o Consulado Canadense não tem solução para pagamento das taxas de países que não se enquadram na alternativas fornecidas por eles, mas estão estudando possibilidades, justamente pq estão com esse mesmo problema em outros países. Outra notícia é que não houve ocorrência de novos processos na categoria Skilled Worker até a presente data.
Em resumo, voltamos a estaca zero. Segundo orientações teremos que aguardar as decisões do Consulado no Canadá, ou ir até o Canadá (eheheheh), fazer um depósito dentro das alternativas dadas por eles. Ou então, esperar uma alma caridosa que já esteja no Canadá, que possa nos ajudar com este problema do depósito.
Enquanto isso, seguimos por aqui, com passos firmes de quem sabe onde quer chegar!!!!

8 comentários:

Sara e Vitor disse...

Oi Cris, tudo bem?

Nossa, por essa ninguém esperava, não é mesmo? Mas que bom que tudo está se encaminhando. Agora cá para nós, como é que os canadenses não viram isso antes!? Como é que não pode fazer o pagamento por depósito!? Sinceramente, não dá para entender.

Desde as mudanças não houveram mais aplicações? Eu bem que vi que no site do timeline dos processos, depois da gente, ninguém mais cadastrou o timeline. Agora entendi o porque. Como eu já havia dito, nosso processo foi aberto no dia 27/11/2008, e as alterações ocorreram um dia depois! Nossa, por um fio não pegamos essa confusão tabém.

No final, tudo vai dar certo! Estaremos aqui na torcida e acompanhando os passos de vocês!

Contem com a gente para o que precisarem e obrigado por esclarecer essa dúvida, se não fossem por vocês, até hoje, acho que ninguém saberia responder como pagar as taxas, e sabemos que por enquanto, não tem como.

Abraços,

Vitor

Sandro e Família disse...

Se precisar de ajuda para fazer algum depósito aqui em terras geladas é só avisar.

Tomara que as pendência se resolvam logo para já entrarem oficialmente no processo.

Abração

Temperatura Máxima no Canadá disse...

Olá Cris,

Estou "bege" com tudo isso... Como eles não perceberam isso antes??? O que parece é que eles fizeram isso de propósito para não receberem mais formulários nesses últimos meses, já que eles não analizaram NADA em 2008, então , eles querem diminuir um pouco o trabalho.
Esse povo acha que temos nervos de aço. Enfim, o jeito é esperar eles se decidirem ou pagar lá pelo Canadá... Fala sério!!!

Dica: Se vcs optarem por pagar lá pelo Canadá, dou uma dica para terem cuidado com o envio das correspondências (mandem por um sistema bem seguro de postagem), porque qdo meu marido estava no Canadá, ele enviou duas correspondências muito importantes para o Brasil e nenhuma delas chegou - estamos esperando até hoje... Por isso cuidado!

Agora, é ter calma e tentar mais uma vez. Vai dar tudo certo... Se pudermos ajudar com alguma coisa, pode contar conosco.

Bj

Rosi

Radiá disse...

Olá, o Vitor me contou o problema de vcs, estou na mesma situação. Não sei como pagar a taxa. Vc fala sobre alguém do Canadá pagar, será que pode,daria certo? Estou perguntando isso pq tenho duas pessoas conhecidas morando por lá, se for o caso vou pedir que paguem para mim. Vc tem alguma informação do Consulado a respeito desse procedimento?

Eu estou meio decepcionada, quando decidimos dar entrada, veio a notícia das mudanças, resolvemos esperar. Agora, com tudo pronto, estavámos esperando receber R$ para pagamento, e não tenho como pagar, os bancos não aceitam. É mole?

Se souber de algo, por favor me diga.

Obrigada,

Radiá

Marcio Barros disse...

Cris,
Não tem a opção de pagar com cartão de crédito?

Radiá disse...

Olá Cris,

Eu estive no HSBC e não tive a info sobre a forma de pagamento, mas estava lendo agora no guia, no site, e tem a informação que o pagamento deve ser feito por deposito no Itau... Vc viu isso? sabe algo a respeito? Eu amanhã vou no Itaú, acho que vou arriscar.

Luiz Alberto disse...

Caramba, eu tenho até fim de março que é quando meu Ielts faz aniversário de um ano... Será que pode um terceiro morando no Canadá realizar a transação?

Qual é o contato de Maura?

Obrigado!

Anônimo disse...

Cris,

Minha esposa e eu mesmo têm o mesmo problema aqui em Bolívia. Os bancos e as instituições não têm nenhuma idéia sobre o "Certified Cheque", "Bank draft", o "Money order". Nós fomos ao consulado de Canadam e disseram-nos para aplicar-se e pagar diretamente a Perú. Eu pensei que este era estranho porque as instruções do pdf dizem claramente que tudo deve ser feito diretamente a Nova Escócia. Em todo o caso, nós pagamos diretamente a Perú, e uma semana mais tarde eu recebi um rude da chamada de telefone que Perú não está processando as aplicações. Igualmente disseram que nosso dinheiro estará retornado. Agora… nós somos para trás onde nós começamos: como podemos nós pagar pela taxa de processamento?

Você sucedeu com seu pagamento?

Toda a ajuda será apreciada extremamente.

(Pesaroso sobre o português mau, eu usei uma tradução automática)

Saludos!

Mc