segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Retorno ao blog



Oi gente, faz um tempão que não passo por aqui. Nesses últimos meses aqui no Brasil tem sido de fato muito corrido. Não está nada fácil atualizar o blog. Há tanta coisa acontecendo conosco, que teria que escrever vários posts para relatar, mas vamos lá:


A VIDA SEGUE: Esta frase é usada em um dos blog´s que acompanho, e ela resume para mim que apesar de vivermos este projeto no Canadá temos que continuar vivendo nossa vida aqui, o presente, como se fosse o último dia. Isso é mágico, porque continuamos fazendo tudo que fazíamos antes, porém com maior intensidade, pois queremos aproveitar cada momento que temos com nossos amigos, família, vivendo tudo que nos faz bem.


Neste final de semana tivemos oportunidade de trabalharmos em um retiro na nossa Igreja. Para quem não sabe, nós somos Católicos, é nos sentimos muito, muito felizes por isso. É muito bom pordemos nos abastecer do amor de Deus e ajudar outras pessoas a terem contato com esse amor, que renova a nossa Esperança. Foi realmente uma benção para mim e para o Igor viver esses momentos de intimidade com Deus, que nos abastece e nos traz de volta para sempre olharmos o verdadeiro sentido de nossas vidas. Então, continuamos compartilhando momentos felizes com nossos amigos da Igreja e proporcionando a outras pessoas a possibilidade de terem um encontro com Deus.

TRABALHO: O meu trabalho é maravilhoso, amo o que faço e as pessoas com quem compartilho meu conhecimento e serviço. Aqui todos me tratam com muito carinho. Percebo que eles estão sentindo a minha saída que se aproxima, mas tenho tentado deixar tudo encaminhado por aqui para que o impacto seja menor. Esta semana entrarei com o pedido de licença sem vencimento. Para quem ão sabe, sou funcionária pública federal, o que me permite sair de licença por tempo indeterminado.


PREPARATIVOS: Comecei a vender todas as coisas da casa. Como mencionamos em outro post, não iremos vender nossa casa, apenas tudo que está dentro dela. Separamos uma poupança para podermos destinar todo dinheiro das vendas para comprar as coisas da casa nova no Canadá. Vou fazer um post contando como está sendo a venda de tudo. Gente é incrível, vendemos até louça quebrada. Não sei o que acontece com as pessoas, parece que passam por um efeito psicológico de consumo, de achar que é uma oportunidade, sei lá, mas elas compram tudo. Enfim, vou contar tudo pra vocês no próximo post.


DESPEDIDAS: Agora começamos a programação das despedidas. No dia 25/09 iremos para Porto Alegre nos depedirmos da vó do Igor, ela tem 92 anos, é uma fofa. Está super lúcida, o que nos traz grande prazer em estarmos com ela. Ainda temos que ir a Florianópolis nos despedirmos da parentada do Igor (primos, tios, pai e amigos). Daqui pra frente todos os nossos finais de semana estão ocupados com eventos sociais. Não é fácil enfrentar toda essa rotina....


É isso aí gente, vamos seguindo devagar e sempre com passos firmes de quem sabe onde quer chegar....

3 comentários:

Paola Tavares Silva Wortman disse...

cris, realmente, quanto tempo!
fico feliz em ler que tudo esta indo bem ai pra vcs. ja que vc cita o tema da religiao, eu tb sou catolica e sinto muita falta de poder ter uma vida espiritual/religiosa. justo aqui na terra santa ... ironico. mas tudo bem, estou aguardando minha vez e quando chegar ao canada com certeza irei me engajar numa vida espiritual mais rica. tb nao vejo a hora de ter natal nao so "da porta pra dentro"!
as despedidas devem ser dificeis mesmo ... mas sao parte. e como um parto - alem da dor fisica, ha a dor da separacao, mas ela e necessaria para o crescimento pessoal de ambos, mae e filho.
beijos e fiquem com deus!

quebecquando disse...

Olá, Crhis!
Primeiramente gostaria de dizer que gosto bastante do seu blog, sempre que posso dou uma passadinha por aqui!
Eu também sou servidora pública federal (há pouco tempo) e, junto com meu namorado, pretendo entrar no processo de imigração para Québec. Gostaria de saber qual é essa licença por tempo indeterminado que você vai tirar, pois a única informação que eu tenho é que funcionários públicos podem tirar licença para tratar de assuntos particulares por um período de 3 anos. Existe uma por tempo indeterminado? Onde posso encotnrar informações sobre ela?
Desde já, obrigada!
Lídia.

Lupatinadora disse...

Eu vendi até gelo pra esquimó! Sério! Vendi pote de pipoca do Cirque du Soleil que foi brinde!

Anunciem tudo, vendam tudo! Se quiserem inspiração, o site do meu bazar continua no ar: bazarcanada.weebly.com

Abs,