terça-feira, 21 de setembro de 2010

30 Dias para o Canadá!!

Oi, Povo de Deus!!!

Só de escrever o título deste post, já fico emocionado!! Lembro-me de tudo o que passou e agora, precisamente ontem, dia 20 de setembro, faltam 30 dias para a viagem ao Canadá. Tudo o que acontece em nossas vidas agora é como se fosse a última vez: falar com as pessoas da nossa família, com os amigos, andar pelas ruas de Curitiba, que também são lindas, limpas e arborizadas, com passarinhos cantando, etc... ahaha. último retiro do Cursilho, último ECC, último isso, último aquilo. É engraçado, mas todos os momentos da vida que estão acontecendo nestes dias me deixam sempre com um sentimento de atenção: "tenho que viver isso intensamente, pois pode ser a última vez". O mais interessante de tudo, é que este sentimento na verdade deveria ser nosso de cada dia, pois realmente o único momento importante - independente de estarmos imigrando ou não - é o momento presente. Mas não nos damos conta disso. Então, mais uma experiência de desapego. Este processo de imigração é muito instrutivo para a vida.

Outra coisa: ver a casa se esvaziar também é uma coisa difícil: cheguei esta semana em casa e a sala já não tinha o jogo de sofá, pois havíamos conseguido vender. Então, a sala estava vazia. Baixamos um colchão de casal velho para podermos assistir TV. Hoje eu desci o sofá do escritório (que também já tá vendido mas o cara não veio buscar) e o escritório ficou com cara de vazio. Enfim, tudo é sinal de que a nossa vida nesta casa também está lentamente desaparecendo... Mais uma experiência de desapego, mais um aprendizado...

Uma última coisa que é interessante lembrar e que me ocorre hoje é o primeiro encontro que tivemos com nosso grupo de amigos imigrantes de Curitiba, dos quais somente nós estamos aqui agora. Isso faz mais de um ano, mas consigo lembrar nosso sentimento de insegurança e apreensão, vendo como eles estavam seguros, pois já estavam bem adiantados no processo de imigração e a gente nem havia iniciado ainda. Fico pensando naquela época e no sentimento: "será que vamos conseguir?", "quanta coisa para fazer?", e agora, não quase nada mais há fazer... Mas a diferença entre aquela ocasião inicial e agora nada mais são do que as decisões que tomamos em direção ao processo, às coisas que nos abstemos que não nos levavam ao Canadá... Ou seja, o resultado da caminhada, sempre com passos firmes de quem sabe onde quer chegar.

Mas agora, não posso deixar de mencionar. A força principal desses passos firmes vem somente de Deus... Sem Ele, não haveria "passos firmes" nem a "ciência de onde se deve chegar". Sabemos muita coisa hoje sobre o lugar onde vamos morar, mas o que nos conforta é principalmente a Esperança de que Deus nos quer, de alguma forma lá. Ele quis precisar de nós lá e lá nós vamos também. Com passos firmes de quem sabe onde quer chegar!!!

Abraços e a Paz

6 comentários:

Sandro disse...

Vcs estão vindo pra Montreal? Se precisarem de ajuda é só dar um alô.

E venham, com Deus...

Sandro
Os patos migram em bando

Ursos no Canadá disse...

Desejamos a vcs uma ótima viagem! Que Jesus os acompanhe sempre!

Beta Takaki disse...

Ahhh! Legal saber que tem gente que vai na mesma epoca que a gente!! =D Estamos indo dia 27 de outubro... um pouquinho depois de voces!! Estamos com medo do frio... mas eu do que o maridenho... =D
Vamos manter contato!!
Abraços
Beta.
betaemitsuo.blogspot.com

Sara e Vitor disse...

Fala Igor!

Como é que vocês estão? Fiquei super feliz com seu post!

Isso me fez lembrar de toda a jornada para pagar a taxa de abertura do processo, e hoje, você está aí, apenas um mês para vir! Que maravilha! Vocês merecem, viu?

Aproveite bastante por aí e boa sorte com os preparativos!

Abraços,

Vitor

Sandro e Família disse...

Falta pouco e a torcida pelo sucesso da nova vida canadense é grande.

Tenho certeza que em breve estarão relatando as conquistas aqui em terras do norte.

Abraço

Cherry Gim disse...

Cris e family que Deus abençoe a sua ida! os caminhos estão abertos, agora é só receber as bençãos!!