segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Chegaram!!!

Sim, chegaram... Esta é a foto da minha filha, exatamente no momento em que ela me viu no aeroporto de Montréal. A gente se abraçou e chorou bastante, durante o momento que parecia não passar mais em nossas vidas... Todos muito cansados mas felizes, agradecendo a Deus por ter reunido novamente a nossa família. Isso aconteceu no dia 7 de dezembro, terça-feira passada. Isso pra vocês verem como estou novamente atrasado com as postagens!
Agora, vamos para a parte emocionante da história, com cronologia, já que sou especialista no assunto:
05h20 - me liga o primeiro colega do Brasil: "chegaram?". Ainda não, digo...
05h40 - a Cris ligou de Toronto!!! que felicidade: "saí por último do avião e estou perdida no aeroporto, pois não tenho ninguém para seguir. Pra onde vou?". Tentei dar a ela as explicações necessárias, mas também já não me lembrava direito do caminho até a aduana. Então, apareceu uma "attendant flight" ou "flight attendant"... como a Cris chamou a comissária de vôo, eheh...
05h55 - mais ou menos, liga a Cris de novo: "fala com o cara aqui, pois ele não quer me deixar entrar porque não tenho o CSQ...". Todos os meus pesadelos se realizando novamente. Mas tudo bem. Vou falar com o cara e ele vai entender. O cara nem me deu oi. Já falou: "escuta, já sei que você mora em Montréal e entrou sem o CSQ. Você tem alguma autorização por escrito do governo do Québec para isso?". Aí, conversa vai, conversa vem, o cara irredutível... "Olha, vou falar com o meu supervisor, mas não creio que seja possível eles entrarem sem o CSQ..."... Terror geral no meu coração... O que fazer?
06h05 - mais ou menos... um colega nosso que também passou por situação parecida (fez processo Federal e veio morar no Québec) milagrosamente madrugou no Skype. Comecei a contar para ele a situação e ele começou a me tranquilizar, tentando me dizer algumas coisas e dar algumas sugestões... Ele foi um anjo para mim nesta manhã. Eu já estava desesperado, e precisava ligar para algum escritório de imigração aqui, ou no Brasil. Pensei em ligar para o Brasil, pois lá já eram 09h30...
06h10 - mais ou menos... depois de tentar falar com o pessoal da imigração, sempre dando na secretária eletrônica, consegui falar com uma ex-funcionária do escritório de imigração Federal, para solicitar o fone de alguém do escritório de imigração do Québec. E ela me diz: "não tenho o número e lhe digo mais: esta situação sua é completamente ilegal. Tenho certeza absoluta que seus familiares serão deportados!!!".... "muito obrigado pela sua ajuda" falei pra ela, desesperado.
06h30 - mais ou menos... Me liga novamente o oficial de imigração do aeroporto de Toronto, dizendo "falei com o supervisor. A situação é a seguinte: temos que esperar o escritório de imigração abrir em Montréal e eu vou perguntar para eles se vocês podem realmente viver no Québec. Se eles autorizarem, eu deixo eles entrar. Se não autorizarem, irão para o Brasil no próximo vôo". Socorro!!!!
06h45 - meu anjo da guarda amigo imigrante que estava comigo no Skype me passa um site com a lista de fones e ramais de todos os funcionários da imigração do Québec. Ligo no primeiro número da lista e atende uma pessoa!!!! Não a secretária eletrônica, mas uma pessoa!!! Que maravilha... Explico a situação, e peço para falar com o mesmo agente que havia dado uma palestra para nós em Curitiba, e que na ocasião havia jurado de pés juntos que não precisava do CSQ para viver no Québec. O cara atende, e me reconhece!!! Então, conto pra ele que minha família está presa no aeroporto e estão para ser deportados. "Estou indignado" diz ele. "Me dá 10 minutos que vou fazer algumas ligações e entro em contato com sua esposa lá em Toronto". Ufa, respirei mais aliviado...
06h55 - mais ou menos... O oficial de imigração de Toronto me liga: "I have good news!!"... Eu quase caí sentado no chão... "Olha, como o escritório de Montréal só abre às 9h30, resolvi ligar para o nosso pessoal da imigração no aeroporto de Montréal. Sabe como é, eles moram no Québec e estão mais bem informados do que nós... E me disseram que realmente não precisa do CSQ para viver no Québec. Então, fala pra sua esposa ficar tranquila que vou só preencher os formulários e em 10 minutos vou liberá-los". Meu pensamento: "você quase arruina a vida de uma família inteira porque não sabe fazer o seu trabalho?????" - minha fala: "muito obrigado, meu amigo, porque você teve a iniciativa de ligar para o aeroporto. Obrigado por ter dado o seu melhor". E fiquei esperando novamente a Cris ligar para a próxima etapa: pegar as malas
07h30 - mais ou menos... Ela me liga por que não conseguem encontrar as malas. Porém, foram auxiliadas por um carregador chamado Sam. Falei com ele no telefone e ele cobrou 20$ mais 5$ de propine para levar as malas até a esteira de Montréal. Depois que eles passaram na imigração, eu pagava até 100$ se me pedissem, só para eles sairem o mais rápido possível de lá...
09h00 - mais ou menos... Me ligam do portão 120. O vôo era às 10h. Estava tudo certo. Hora de ir para o aeroporto!!! Peguei o carro, o GPS e já caí fora. Fui lá esperá-los... Na noite anterior, havia caído a nevasca que eu falei no post passado. O trânsito tava parado!!! Mas cheguei 30 minutos antes do horário do vôo pousar e, sinceramente, achei que o aeroporto iria estar fechado, mas os caras aqui não estão nem aí pra neve...
10h13 - chega o vôo... E abraços da família!!! E contam da viagem e tudo mais... Agora, o descanso merecido ao chegar em casa, que agora, é um Lar, pois é uma casa onde tem Amor.
Moral da história: não precisa do CSQ pra morar em Quebec, mas que faz uma falta danada, faz...
E vamos seguindo com passos firmes de quem sabe onde quer chegar!!! E chegamos!
Tik... Sonho realizado. Vamos para o próximo...
Abração e a Paz
Igor Schultz

13 comentários:

Karla disse...

Ahhh, que felicidade!!!
Que bom que no final das contas deu tudo certo e todos estão felizes.

By the way, acompanho o blog de vcs desde que decidi vir pra Ottawa. Como meu marido já tinha emprego, o processo foi bem rápido, em 2 meses aprontamos tudo e já estamos no Canada desde primeiro de dezembro.

Espero notícias do Gordo, pois também temos um gato e deixamos ele no Brasil por enquanto, lá em Cuiabá. Assim que surgir uma oportunidade, vamos buscá-lo. Estamos em dúvida se mandamos por transportadora de animais ou nós mesmos trazemos pq ele é bem estressadinho.

Tudo de bom pra vcs.
Beijos

Lupatinadora disse...

Que apuro! Olha, numa dessas dá vontade de nem falar pro oficial de imigração que vai morar no Québec - eita pessoal mal informado! Mas que bom que tiveram iniciativa e o caso se resolveu rapidamente (apesar do nervosismo)

Filipe Moreira disse...

Até eu me emociono com a história de vocês!

Totalmente merecida a conquista! Torço para o melhor nesta nova fase, e agora juntos, irão conseguir realizar ainda mais sonhos!

Abraços família!

Anônimo disse...

Uhuuuuuuuu...Chegaram! Que bom!

Mande beijo para todos!

Que felicidade, hein?

Bjs Bia

Carolina disse...

Que apuro!
O coração vai a mil numa hora dessas,né?
Mas graças a Deus sua família já está aí com vc, enchendo sua casa de amor!

Diário Canadá Brasil disse...

Ufa! Foi por pouco heim...
Agora é só curtir a família.

Juliana, Angelo e Miguelzinho disse...

Boa tarde família, blz?
Que bom que está tudo resolvido. Com vocês não poderia ter sido diferente ne? Pra variar mais uma emocionante estória que vai ficar para a história, mais uma provação!!!! Estamos com saudades...
Ju, Angelo e Miguel

Igor Lucas disse...

Jesus, que sufoco!
Mas como sempre, a união e o amor prevalecem. Agora, todos juntos, numa nova missão no Canadá!
Precisam começar a escrever um livro...
Sentimos saudades, mas estamos juntos e torcendo muito por vocês.
Grande abraço e fiquem com Deus.
Igor e Lella

Anônimo disse...

Igor que Fortes Emocoes!!!!
"Essa tal ex-funcionaria" o seu nome nao comeca com "M"???
abracos
Carlos

Michele disse...

Nossa que sufoco, mas bem que no final deu td certo.
Tenho acompanhado sempre o blog de vcs. É muito bom poder saber das experiências de outras pessoas. Isso facilita nosso aprendizado.
Tb estamos perto de chegar ao Canadá.
Abç
Michele

Janaina Catlin disse...

Oi Igor, que saudades de vcs... Hj dei uma vasculhada total no blog. Estou muitou feliz por vcs. Manda um beijo para a familia e coloca mais uma fotinhos. Beijos fiquem com Deus, Jana e Sergio

Janaina Catlin disse...

Oi queridos, que saudades de vcs... Vejo que td esta indo bem. Adorei a foto da familia chegando, fico imaginado o frio hehheh. Manda um beijo enorme para todos. Estamos com saudades, Jana e Sergio

Talita disse...

Oi Igor, estamos numa situação parecida com a de vocês. Nosso processo é pelo governo federal, mas pretendemos morar no Quebec (vamos para Gatineau). O que você recomenda para não termos de passar por esse apuro que vocês passaram? Melhor pegar um voo com escala nos EUA para fazer o landing direto no Quebec, via Montreal, e depois alugar um carro para seguir viagem rumo a Gatineau? Qualquer dica será de grande valia. Obrigada!!